Energia Solar Vale a Pena

Você sem dúvida já tomou susto no final do mês ao abrir sua conta de luz, e talvez se pergunta, vale a pena recorrer à fontes alternativas de energia como a energia solar.

De maneira geral sim, a energia solar vale a pena se você estiver disposto a investir a longo prazo e nessa artigo você vai saber três motivos pelos quais a energia solar vale a pena:

 

  • Durabilidade do equipamento de energia solar
  • Aplicação em sua casa
  • Economia de energia elétrica.

Energia Solar – Um Investimento a Longo Prazo

Apesar de caros todo equipamento, a durabilidade da instalação é um dos pontos que energia solar vale a pena. Existem instalações que podem dura até 20 anos.

Toda instalação tem baixa manutenção e contrário o que muitos pensam, as placas solares não geram energia somente em dia de sol mas também em dias nublados através da claridade do dia.

Sua Casa  AUTO-SUSTENTÁVEL Com a Energia Solar

A energia solar vale a pena também pelo fato de suas inúmeras aplicações em uma residência, além de ser uma energia limpa que não oferece nenhum dano ao meio ambiente, com bom investimento poderá suprir até 100% da necessidade de sua casa.

Ela pode oferecer água quente para torneiras e chuveiro, carregar baterias pelas quais você poderá ligar equipamentos e lâmpadas e ainda existe possibilidade de usar bombas hidráulicas capaz dede levar água a até 20 metros de altura usando apenas energia solar.

Energia Solar a Economia que Vale a Pena

Claro que sua intenção de instalar energia solar em sua casa é a independência da companhia de energia de sua região. Isso é possível mas requer um planejamento de um sistema adequando para cada residência.

Em alguns anos você terá recuperado todo esse investimento, já existe sistema de energia solar que devolve o excedente gerado para companhia e você recebe um abatimento na conta. Podemos dizer que se você poder investir a energia solar vale a pena!

Como Economizar Energia Elétrica?

Em tempos de crise toda economia é bem-vinda, esse ano o governa autorizou mais um aumento na conta de energia elétrica pensando nisso esse artigo vai lhe ajudar saber como economizar energia elétrica de duas maneiras:

  • Como economizar energia elétrica usando a luz solar.
  • Como economizar energia elétrica com pequenas modificações em sua casa.

Sol o Grande Aliado na Economia de Energia

Como grande fonte de calor e iluminação o nosso Sol é o principal meio de economizar energia elétrica visto que recebemos sua energia cerca de 10 a 12 horas por dia.

Hoje há várias maneiras de aproveitar a energia solar, com placas foto sensíveis o calor e a luz do sol é transformada em energia alimentando baterias estacionárias que vão distribuir essa energia acumulada para diversas lâmpadas e equipamentos de sua casa.

O investimento é alto para conseguir gerar energia de até 90% que sua casa utiliza, mas a logo prazo vai valer pena pois esses sistemas tem evoluído muito e é umas das melhores maneiras de como economizar energia elétrica.

Sua Casa foi Projetada para Aproveitar a Luz Solar

Outra forma de economizar na sua conta de energia é por ter uma casa projetada para tirar o máximo de proveito da luz do sol.

Se no momento você não pode investir em painéis solares, você pode fazer pequenas modificações em sua casa como colocar janelas mas amplas e se possível no máximo de lados que puder do cômodo.

Uma dica bem interessante é usa cores mais claras na pintura ou papel de parede, talvez essa mudança vai lhe permitir usar menos lâmpadas em cada cômodo.

Use as lâmpadas de LED, você já encontra pacotes de lâmpadas na internet que fica bem em conta e trocando todas verá como sua conta vai ficar mais suave no final do mês.

Essas são dicas valiosas de como economizar energia elétrica de verdade e ter um alivio no fim do mês.

Como Surgiu a Internet

internet surgiu a partir de pesquisas militares no auge da Guerra Fria. Na década de 1960 (1969), quando dois blocos ideológicos e politicamente antagônicos exerciam enorme controle e influência no mundo, qualquer mecanismo, qualquer inovação, qualquer ferramenta nova poderia contribuir nessa disputa liderada pela União Soviética e pelos Estados Unidos: as duas superpotências compreendiam a eficácia e necessidade absoluta dos meios de comunicação..

 Através da convergência tecnológica, o processo de troca de comunicação é muito facilitado. Hoje podemos processar informações variadas em uma só forma: a forma digital. Diferentes aparelhos são multifuncionais, fazendo uso somente de um pequeno chip. Através de celulares, por exemplo, acessamos a Internet, ouvimos rádio e músicas em formato mp3, enviamos e-mails, fotos, vídeos e mensagens curtas de texto (SMS), entre tantas outras funções.

A era é nova e o nome que deram à sociedade atual é pomposo. Deve-se ter cuidado, porém, em não generalizar, tendo em vista a realidade brasileira que é marcada pela exclusão digital. Com a queda de preços e o crescimento da Internet a inclusão digital tem aos poucos acontecida, mas ainda a passos de tartaruga.

Como Surgiu a Internet no Brasil

No Brasil, a conexão de computadores por uma rede somente era possível para fins estatais. Em 1991, a comunidade acadêmica brasileira conseguiu, através do Ministério da Ciência e Tecnologia, acesso a redes de pesquisas internacionais.

Em maio de 1995, a rede foi aberta para fins comerciais, ficando a cargo da iniciativa privada a exploração dos serviços. Hoje, para conectar seu computador, o usuário paga os serviços de um provedor de acesso ou tem conexão direta.

O fenômeno Internet difere dos outros meios de comunicação conhecidos até agora, haja vista que a postura do receptor no rádio e na televisão é meramente passiva, enquanto em relação à Internet o receptor participa selecionando e emitindo informações.

Há várias maneiras de trocar e obter informações através da Internet, dentre as quais: World Wide Web (www), mecanismos de busca, e-mail (correio eletrônico), peer-to-peer, IRC (Internet Relay Chat), VoIP (voz sobre IP), listas de discussão, bate-papos e mensagens instantâneas. A própria rede, por sua vez, é acessada através de diversos meios, caracterizando o típico exemplo de convergência tecnológica, da facilitação no processo de troca de comunicação. A Internet está presente em computadores, celulares, palms, e diferentes aparelhos multifuncionais.

Voltemos ao tempo. Conseguimos nos imaginar sem esta maravilhosa invenção que hoje é uma oportunidade de atravessar fronteiras, derrubar barreiras e dividir idéias de forma única? Além de tudo, a internet aumenta a capacidade de leitura (também estimulando novas leituras), ajuda a encontrar informações, resolver problemas e, sem dúvida, a adquirir competências cada vez mais exigidas no mercado de trabalho. Fica no ar a pergunta, cuja resposta soa um tanto óbvia para a maior parte dos usuários desta ferramenta incomparável.